Hipnose para medos e fobias.

Hipnose para controle do medo e fobia

Hipnose para medos e fobias. Como a hipnoterapia pode ajudá-lo a superar seus medos? A hipnose para fobias funciona separando o estímulo (objeto-gatilho) da resposta emocional (medo) e “atualizando” o cérebro com uma resposta nova e mais realista.

Medo e fobia

A hipnose demonstrou ser um tratamento eficaz para muitos indivíduos com medos e fobias. Uma porcentagem significativa da população sofre de fobia de um tipo ou outro. Para alguns indivíduos, pode ser ligeiramente angustiante, mas administrável. Para outros, pode ser gravemente debilitante. A fobia é um medo irracional de um estímulo específico. Esse estímulo pode ser uma situação, uma coisa ou uma atividade.

Tipos de fobias

Geralmente, existem quatro tipos de fobias:

  • Fobias de ambiente natural – medo de altura, tempestades, água, escuridão, etc.
  • Fobias de animais – medo de cobras, baratas, aranhas, sapos, cães, etc.
  • Fobias de ferimentos – medo de ferimentos, tiros, injeções em hospitais, medo de sangue, etc.
  • Fobias situacionais – medo de voar, dentistas, dirigir e situações sociais como falar em público, namorar e assim por diante.

Medo e ansiedade

Pessoas com fobias fazem de tudo para evitar o que temem ou o suportam com considerável ansiedade. Para algumas pessoas, uma fobia pode desencadear ataques de pânico. Em casos graves, a fobia pode acabar controlando literalmente a vida de uma pessoa.

A indicação mais comum de uma fobia é um sentimento de medo ou ansiedade quando exposto à situação ou coisa que desencadeia o medo. Os sintomas incluem batimento cardíaco acelerado, náusea, tontura, falta de ar, dor no peito, ondas de calor / frio, dormência ou sensação de formigamento, tremor, medo de desmaiar ou perder o controle de si mesmo.

Este é o resultado da reação de luta ou fuga sendo acionada.

Como a hipnose clínica pode ajudar

A hipnoterapia ajuda você a superar fobias, reprogramando a reação de sua mente ao gatilho. As técnicas usadas pelos hipnoterapeutas podem variar para cada cliente, porque os indivíduos são diferentes, um bom hipnoterapeuta deve se sentir confortável com um grande número de técnicas e abordagens.

A análise do ponto de fixação é um processo usado para explorar e tratar a causa raiz da fobia, também conhecida como Evento Sensibilizador Inicial. Abordar essa velha memória de forma consciente permitirá ao indivíduo compreender melhor a causa do medo, bem como começar a ser capaz de vê-lo de uma forma que não seja mais ameaçadora. Quando isso é alcançado, a fobia geralmente enfraquece.

Quando pensamentos positivos são introduzidos, novas associações podem ser formadas, o que reforça os sentimentos positivos calmos e relaxados que você deseja quando na presença de seu gatilho anterior. O elo mental imperfeito entre o gatilho e a reação de medo é rompido, substituído por uma sensação de calma e controle.

O número de sessões de hipnose necessárias para lidar efetivamente com as fobias varia e depende de vários fatores. Isso inclui há quanto tempo a pessoa tem a fobia, quão severamente a fobia a afeta e quão determinada ela está para se livrar da fobia. Em geral, levará cerca de três sessões de hipnoterapia. No entanto, em casos graves, pode demorar mais.

Se você sofre de medo ou fobia, definitivamente vale a pena considerar a hipnose como um meio de tratamento. A hipnose clínica pode ajudá-lo a superar a fobia e, em alguns casos, até mesmo aliviá-la completamente.

Se você busca a hipnose como meio de tratamento, conheça melhor todo o seu potencial clicando aqui.

Saiba mais sobre hipnose para ansiedade clicando aqui.

Saiba mais sobre transtornos de ansiedade clicando aqui.